OPERAÇÃO EM LUÍS EDUARDO MAGALHÃES VAI REVITALIZAR O COMÉRCIO NO ENTORNO DA FEIRA LIVRE DO BAIRRO SANTA CRUZ

A partir do dia 1º de outubro, a Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães vai iniciar uma operação para reorganizar a feira livre do bairro Santa Cruz, a maior da cidade, realizada todos os domingos. A ação verificará a situação cadastral dos feirantes e pretende também inibir o comércio informal na área externa, que afeta os comerciantes que trabalham de forma regular. O trabalho educativo também tem a finalidade de melhorar as condições de tráfego nas redondezas e aumentar a oferta de vagas no estacionamento. De acordo com o Secretário de Administração e Finanças, Ricardo Knupp, o objetivo não é prejudicar os trabalhadores que não atendem às regras comerciais regulares. “É uma atividade importante para a ordem do município e a melhoria no atendimento dos feirantes que contribuem com o crescimento da nossa cidade”, explicou.

A fiscalização terá o apoio da Secretaria de Administração e Finanças, Polícia Militar, SUTRANS, Guarda Municipal, Vigilância Sanitária, Secretaria de Agricultura e Câmara de Vereadores. Segundo o Secretário de Indústria e Comércio, Célio Donizete, este será um bom momento para os comerciantes formalizarem as atividades. Para isso, bastam apenas se dirigir à Sala do Empreendedor, com os documentos pessoais (RG, CPF e Comprovante de Endereço). “É um processo fácil e muito rápido. A partir do momento em que a pessoa sai da informalidade pode obter uma série de vantagens”, comentou o secretário. 

E são muitos os benefícios para quem regulariza o seu negócio. Entre eles, auxílio no desenvolvimento de ações de planejamento, projetos e modelos de gestão e participação em palestras e treinamentos ministrados pelo SEBRAE. Quem formaliza o microempreendimento individual também tem acesso a linhas de crédito e financiamentos em instituições bancárias que garantem condições mais favoráveis de pagamento. “São vantagens que fazem toda a diferença na conquista do mercado que está cada vez mais competitivo e diversificado. O bom atendimento e o conhecimento no ramo de atuação com certeza renderão excelentes frutos para quem opta pelo comércio regularizado”, concluiu Célio Donizete.

A Sala do Empreendedor funciona na Secretaria de Indústria e Comércio na Rua José Cardoso de Lima, no centro da Cidade.